A Segurança em 1º lugar.

13 de Agosto de 2007

A Polícia Curitibana é um exemplo de segurança para todo o Brasil. Recentemente, o Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp) da região metropolitana de Curitiba-PR migrou da tecnologia analógica de radiocomunicação para a digital. Uma tecnologia que permite o monitoramento sigiloso de conversas e gravação de todo o atendimento policial, desde o despacho das viaturas até as conversas entre os membros, com total segurança e sem interferências.
 
A modernização do sistema de comunicação da Polícia Curitibana permite que as ligações para o Corpo de Bombeiros, Sistema Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergências (Siate), Polícias Civil e Militar fiquem mais rápidas e eficientes.

 

O coordenador do Ciosp, Sr. Benedito Facini, explica que a novidade vai auxiliar bastante nas investigações policiais quando for necessário verificar como foi a condução de uma ocorrência. "O novo sistema permite recuperar e ouvir as gravações para instaurar um processo administrativo ou até mesmo para a orientação dos policiais", afirma Facini.

O investimento para implementar a infra-estrutura foi de R$ 2(dois) milhões, destinados ao melhoramento na área de cobertura dos rádios de comunicação da polícia e à compra de rádios móveis(instalados nas viaturas) e portáteis.

"Para a população, a conclusão do projeto significará uma resposta mais rápida aos atendimentos, pois a cobertura da comunicação será maior. O mais importante é que ninguém mais, senão a própria polícia, poderá ouvir a comunicação entre os rádios, a não ser que esteja cadastrado no sistema", comenta o secretário de Segurança Pública do Paraná, Luiz Fernando Delazari.

A viabilização do projeto, realizada integralmente pela Motorola, contou com um sistema de radiocomunicação digital para a região metropolitana, composto por rádios e repetidoras digitais, além de uma solução de despacho com 13 (treze) posições para o Ciosp, com seus bancos de dados e interfaces com sistemas atuais.

Investir em Comunicação eficiente, rápida e segura é investir na segurança da população. Você, como formador de opinião, deve repassar os bons resultados de investimentos feitos por instituições governamentais para seus governantes, assim você estará contribuindo para o desenvolvimento da sua cidade e tranqüilidade dos moradores.